Top Ten Tuesday: 10 melhores livros que li até agora em 2015

10:43 AM Lorena Miyuki 0 Comentários

Era pra ter saído terça passada, mas o importante é que saia o Top Ten Tuesday! Esse é um meme literário iniciado pelo blog The Broke and The Bookish e que é postado, adivinhem, toda terça-feira.

Vamos ver: das resoluções do post de janeiro, eu li 5 livros. Já é um número maior que do ano passado, quando tinha lido só 3! Infelizmente ainda é um número abaixo do pretendido, porque não li quase nada de entretenimento depois que voltei a estudar... Mas estou tentando compensar nas "férias"!


Os Dez melhores de 2015 até agora

Sem ordem de classificação.
1. Mentirosos (We Were Liars). Foi um dos últimos que li, bem rapidinho e fluido. Eu já tinha "desvendado o mistério" antes dos 50% da trama, mas ela me prendeu mesmo assim e eu devorei o livro em uma sentada, praticamente. E chorei por causa dos cachorros. A edição brasileira está bem boa, tradução boa e a capa metálica me atrai muito. Foi ele que me renovou a inspiração pra escrever, depois de meses parada.


2. Ladões de Sonhos (Dream Thieves). Se eu achei Garotos Corvos bom, não sabia do que estava falando até ler esse. Eu estou tentando não correr muito com essa saga porque sei que sofrerei absurdamente quando tiver acabado, porque, nossa, faz muito tempo que nada me prende desse jeito, que não encontro personagens tão ~maravilhosos~ quanto esses. Se eu vejo os nomes Adam e Ronan, já começo até a tremer. Maggie é destruidora mesmo. Por tudo é lhe é sagrado: leia a saga dos corvos. Leia. Leia.
A tradução desse segundo volume deixou a desejar em algumas partes, mas no geral está ok.


3. Sete Minutos no Paraíso. Uma leitura fofa e relaxante, foi meu primeiro nacional do ano e li, também, em uma sentada. Adorei a escrita da Rafaella, adorei os personagens e o clima. Não é infantil e não é bobo, tem um enredo muito bacana e diversidade, o que eu sempre procuro em YAs! Gostei tanto que o segundo dela que tenho (Época de Morangos) tá na lista e pretendo ler esse ano ainda!











4. O Castelo Animado (Howl's Moving Castle). Li pro clube do livro e também porque amo a adaptação animada. Me surpreendi positivamente por ser uma história um tico diferente dela e uma fantasia que cutuca as nossas feridinhas. Adoro o Cálcifer, adoro os chiliques do Howl (rainha!). Tradução da edição brasileira (antiiiga) é boazinha!

5. Garoto encontra Garoto (Boy Meets Boy). Como já fiz resenha dele aqui, vou me abster de falar muito. Mas é o melhor do Levithan na minha opinião. Simples, bonitinho, despretensioso e acolhedor.


6. Selva de Gafanhotos (Grasshopper Jungle). Essa foi outra ótima surpresa! O Selva é um livro CHEIO de detalhes trabalhadíssimos, todos atados em uma narrativa extremamente crua e, bem, porque não dizer? Sexual. É weird fiction, é apocalíptico, é maluco e divertido. Investimento mais que valeu a pena e a edição física tá linda! Tradução boa, inclusive.

7. Fake. Outro nacional que me surpreendeu. Farei resenha logo, então o comentário aqui será breve: leiam. Vale a pena. São escritas divertidas e bem construídas como essa que acendem o foguinho da esperança na literatura nacional!

8. Sobre a Escrita (On Writing). Metade autobiografia, metade conselhos de escrita de um dos mestres da ficção. Ainda não terminei de ler, tá quase, mas já entrou pra lista dos favoritos de sempre. Achei a tradução muito competente, inclusive, na hora de adaptar expressões - principalmente porque ele dá muitas dicas de gramática em inglês, e daí que tudo teve que ser transportado pro português e ficou ótimo! Recomendadíssimo para todos os aspirantes, pseudo-escritores e os bons também. Pretendo fazer resenha, aliás.

9. A Private Gentleman. Nossa, esse livro me despedaça a cada página. Tanto que eu estou lendo beeeem devagar (há quase 6 meses, RISOS) e ainda não cheguei nos 100%. Isso não me impede de recomendá-lo, porém. Farei resenha assim que me recuperar dos angsts violentos que a Heidi joga em cada frase.

10. Você É Só Pra Mim. Isso vale? Acho que vale, não vale?! Bem, eu reli esse livro tantas, mas tantas vezes por motivos óbvios e também pelos não óbvios: eu adoro essa história. Sério. Adoro os meninos, adoro o clima nostálgico... Acho que falta muito pra ser algo "perfeito" (tanto na minha visão de autora quanto na de leitora), mas é o tipo de coisa que me agrada muito. Eu espero que agrade mais gente também ;)


BÔNUS: o pior livro que li até agora foi Águas Turvas, do Helder Caldeira. Até hoje não consegui sentar pra escrever uma resenha decente, porque não consigo encontrar palavras decentes pra expor minha decepção e frustração com essa trama, mas ela virá!

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...