Review - Book Depository e Better World Books

11:18 AM Lorena Miyuki 13 Comentários


Como acho estou sempre apertando a mesma tecla, não custa dar mais um toque: as livrarias brasileiras são escassas em termos de literatura queer e LGBT. São, não estão. Elas sempre foram. Me diz: quantas vezes você já viu, principalmente sem ter que procurar muito, algum livro com essa temática num estande? A resposta mais comum é "nunca".

Pois bem: pra isso existem as livrarias internacionais, com espaços dedicados ao campo. E pra quem mora por aqui, pra isso existe a internet, o cartão internacional e os sites dessas livrarias!



Faço muita compra no exterior sem sair de casa. Acho que uma das minhas glórias é o cartão internacional; não vivo sem ele, juro! Costumam brincar que sou uma importadora não-profissional e, modéstia à parte, tenho muita experiência na área porque já me aconteceu de tudo nessa vida de compras internacionais.

Por incrível que pareça, só comecei a comprar livros "de fora" há uns dois anos e pouco. Como fico esperando o pacote chegar como se fosse um filho, sofro a cada dia depois da compra, e isso me agonia ainda mais com livros, porque fico pensando em quando eu poderei ler o maldito. Já compro planejando encaixá-lo na minha lista de leitura o mais rápido possível, sabe? Então importá-los pra mim é uma tortura por causa da demora, mas vale a pena e vou explicar por que.

Facilidade
Existem duas lojas nas quais costumo comprar livros: a famosa Book Depository, carinhosamente chamada de BD, e a Better World Books, BWB pra facilitar. Ambas são muito corretas, confiáveis, tem atendimento ótimo, rápidas; enfim, quase perfeitas.

Tá, tem a Amazon também e eu sei que muita gente gosta e utiliza, mas sinceramente não vejo vantagens para compradores esporádicos, ou que compram em volume muito reduzido. Compras na Amazon pra mim só se for com frete grátis, ou com muitos volumes onde o frete compensa ou quando há uma daquelas promoções imperdíveis de itens a, sei lá, dois dólares. Fora isso, prefiro as outras duas de cima.

O link das duas está no fim deste post!

Como funciona? A mesma coisa das lojas nacionais. Cadastro, escolha, carrinho, endereço, pagamento, envio, recebimento. A diferença é que você precisa de cartão de crédito internacional. Não é opção. Apesar disso, diferentemente da maioria das lojas internacionais, não precisa ter conta no PayPal. É um opcional e facilitador com certeza, mas não obrigatório. Você pode comprar direto com o número do cartão e, não se preocupem, é seguro.

Só vale ressaltar que todas as contas são fechadas em dólares americanos, então tomem cuidado com a cotação. No PayPal eles usam a cotação do site mesmo, que já converte para reais quando você finaliza. Não há um meio de saber como está a "cotação do PayPal" (há?), mas é bem parecida com a cotação normal do dólar paralelo (e não de turismo), alguns centavinhos a mais quase sempre. Já a do cartão de crédito normalmente é feita e conversão no dia em que sua fatura fecha; ou seja: você pode dar azar da cotação do dia estar super alta, ou super baixa. Uma coisa que eu já reparei é que nos cartões Santander a cotação sempre fecha mais alta que a normal. Por exemplo: sua fatura fechou no dia 11 e a cotação do dólar no dia 11 estava a R$2,15. O banco vai te cobrar mais ou menos R$2,18~19, nunca a cotação exata, não me perguntem o motivo. Meu cartão é do Banco do Brasil e sempre fecha certinho na cotação do dia, mas já utilizei cartões de outros bancos e por isso reparei nesses detalhes.

Tudo certinho? Então vamos para a parte mais interessante do negócio propriamente dito.

Preço
Convenhamos: livros no Brasil ainda saem caro sim. Por uma série de fatores cuja discussão vai ficar para outro post. O que vale a pena aproveitar sempre são promoções, aqui e lá fora. Mas mesmo sem promoções e liquidações, o preço dos livros lá fora ainda é bem mais em conta. Exemplo? Temos de sobra.
Vamos comparar:

Livro Um: Zumbis X Unicórnios. Preço nacional (média): R$45. Preço internacional (novo, capa dura): $16,56 ( x R$2,18 = R$36,10)
Livro Dois: Morte de Tinta. Preço nacional (média):  R$45. Preço internacional (novo, capa dura): $24 ( x R$2,18 = R$52,32)
Livro Três: Rainha da Fofoca. Preço nacional (média): R$47. Preço internacional (novo, capa dura): $19,60 (x R$2,18 = R$42,72)

Hardcover de Zombies vs Unicorns usado que custou $3,98!


E por aí vai.

Lembrando que, primeiro: os sites indicados NÃO COBRAM FRETE. Segundo: todos os preços que peguei foram das edições "de luxo": capa dura (hardcover), orelha, cover, tudo o que aqui a gente não vê. Então os livros não podem ser realmente comparados, só pelo seu conteúdo. Os de capa "mole"/normal (paperback) são normalmente metade do preço. Por exemplo, o Rainha da Fofoca em paperback está custando $11 novo e, pasmem, $3 usado. Três dólares. Três!

E aí vai a dica para a vida:

A BWB é especialista em livros usados. A cada livro comprado, eles doam um livro para uma biblioteca e/ou creche, escola, etc. Depois de um tempo, essa escola devolve o livro para ser revendido, e receber uma nova doação. Então o ciclo nunca termina. Os livros usados da BWB são, em sua maioria, livros de biblioteca, encapados, super bem conservados, praticamente novos. A descrição do estado do livro pode ser encontrada em cada um dos itens a venda e o melhor de tudo é: o preço. O PREÇO, GENTE. Dá vontade de comprar tudo! E quando há promoções de 50 ou 70% OFF?? Livros a centavos, um dólar! Toda terça eles fazem o que chamam de Bargain Bin, onde livros da lista ficam com, no mínimo, 30% de desconto e você pode comprar 5 livros por $20, ou 6 por $25 e por aí vai. Depende de cada semana e são sempre 24 horas de promoção toda semana. Quer coisa melhor que isso??


Qualidade
O que há de grande diferencial entre os livros nacionais e importados, ao meu ver, é a opção de paperback ou hardcover. Aqui ainda estamos muito desacostumados com livros em capa dura, com cover para retirar e etc. As editoras brasileiras normalmente trabalham com aquela capa não muito mole, não muito espessa de gramatura mediana. As edições "econômicas" (como eles chamam) costumam ter capa sem orelha e folhas mais finas e preço não lá muito adequado, digamos, à qualidade. Quando tentam fazer uma edição realmente econômica, a qualidade vai lá pra debaixo da terra, que era o que acontecia com os mangás antigamente: folha de jornal.

As edições paperback internacionais normalmente não possuem orelha, as capas são moles e as folhas são finas, mas não são de jornal. São leves, têm tamanho pequeno ("de bolso"), não quebram a lombada mesmo o livro sendo grosso porque a qualidade da prensa e do material (acho) são diferentes. Não sou especialista no assunto, então estou divagando só sobre o que percebo.

As edições hardcover são uma jóia para os olhos de quem aprecia um bom livro. E aí que está o diferencial: nós não temos essas versões por aqui. Mesmo as nossas em capa dura são diferentes. O miolo não é lá perfeito, o papel ainda é mais fino e mole, mas as capas são o toque de arte, digamos. Então acho que vale muito a pena comprar uma hardcover com capa bonita para colocar na estante por metade do preço de uma versão nacional normalzinha. Assim, né, minha humilde opinião.

Exclusividades e Lançamentos e, principalmente, Variedade
Quanto tempo demora para um livro ser lançado lá fora, ter seus direitos comprados pela editora, ser traduzido, ser diagramado, ser publicado, ser colocado a venda...? O caminho é muito longo, acreditem.

E quando ninguém nem se interessa por comprar os direitos de publicação do livro, como acontece na maioria (todos?) os livros com temática LGBT/queer?? A gente fica sem, certo? Errado. Pra isso é que eu uso dessas facilidades! Tenho listas em ambos os sites de livros que não foram lançados por aqui e nem sequer entram na possibilidade e que eu jamais teria acesso se não fosse o cartão internacional e o frete grátis!

Paperback de Totally Joe novo por $6. Livro não disponível no Brasil.
Resenha aqui.


Hardcover de Geography Club usado por $4. Livro não disponível no Brasil.
Resenha aqui.

Fora que, na BD, existem outros itens e artigos de papelaria que valem a pena também. Por exemplo: comprei meu Book Journal, da Moleskine Passions, por lá e custou, se não me engano, $17. Aqui, sob encomenda, o preço médio é R$88.

Book Journal por $17!


O lado ruim é que, se você não sabe inglês, dificilmente vai achar essas dicas atrativas. Mas se você fala e gostou, se prepare para: a espera e a falta de número de rastreio.

Os livros da BD chegam em média depois de um mês, mas isso varia MUITO da época do ano e da boa vontade dos Correios. As compras que fiz na BWB demoraram mais (40~50 dias), não sei o motivo, pois é tudo despachado sempre muito rapidamente, no dia seguinte à compra no máximo. Em ambos os sites eles possuem uma estimativa de entrega que calcula os dias úteis. Depois dessa estimativa se você quiser entrar em contato com eles, caso o livro não tenha chegado, eles se disponibilizam a fazer o reembolso do dinheiro gasto.

Minha primeira compra na BD, em meados de 2011, demorou cerca de três meses e meio para chegar. Fiquei paranóica e pedi o refund com cerca de 40 dias. A pessoa que me atendeu até disse que eu "esperei demais", que poderia ter pedido com 30 e etc, mas eu estava acostumada com a demora, então nem liguei. Um mês depois do refund, o livro chegou. Eu já até tinha comprado outro, que tinha chegado uma semana antes do primeiro. Ou seja: fiquei com dois livros pelo preço de um. Entrei em contato com eles a certinha, pra pagar, mas eles disseram que não tinha problema, que ficaria como um "presente". Sério. E o atendimento foi super rápido, em menos de 24h já tinham resolvido e o dinheiro estava na minha conta.

Minha primeira compra (The Vast Fields of Ordinary), paperback lançamento por $8
e a última (Sprout), hardcover por $4
Ambos indisponíveis no Brasil
Resenha de The Vast... aqui.


Alguém precisa de mais incentivo?

Então só mais alguns detalhes: frete zero nas duas lojas, livros são isentos de imposto na alfândega, portanto não precisa se preocupar com o valor da compra.

Apesar disso, como toda compra internacional, nós pagamos IOF na fatura do cartão de crédito, que é 6,38% do valor total gasto. Ou seja, se você for comprar um livro de 10 dólares, seu IOF vai ser de 0,63 centavos e seu livro vai sair a $10,63. O tamanho do pacote também pode atrasar na entrega, então a dica é comprar "picado": três, quatro ou cinco livros de uma vez. Mais que isso eu acho que é uma quantidade grande para uma compra só.

De qualquer modo, colocar no papel os gastos é sempre uma pedida. Temos sempre que nos programar pra não estourar a fatura para não ficarmos apertados depois. Mas é fato que, se você tem um bom conhecimento do idioma inglês, importar livros é uma grande vantagem!


EDITADO!
Importante!

É com grande prazer que anuncio que agora temos parceria com ambos os sites!! Yay!
Ou seja, comprando direto daqui, você recebe alguns descontos e ainda ajuda a doar livros para instituições carentes/bibliotecas e comunidades ao redor do mundo!

É só clicar e aproveitar! Tem oferta nova todo dia!


Free Delivery on all Books at the Book Depository



13 comentários:

  1. Bom saber sobre esses sites! Experimentá-los-ei em breve :)

    ResponderExcluir
  2. Eu acho esse post tão, tão válido. Se eu já não comprasse coisinhas de fora, muito provavelmente ia morrer de vontade agora. Eu comecei a comprar arriscando MESMO, e acho que depois de dois cds de jrock e um dvd, livros foram as primeiras coisas que comprei. Eu faço essa separação porque eu fiz essas três compras muito receosas e pensando em passar por aí. Quando eu comprei meus primeiros livros - pela Amazon mesmo -, eu já me senti morrendo de vontade de comprar mais. Depois comprei um glossário de piratas que NUNCA vai ter por aqui, e ai a coisa virou frequente. lol

    E eu nunca recebo marca-página do Book Depository. i-i Não é de graça? Parece que todo mundo ganha um, menos eu. </3

    Eu nunca comprei na BWB porque eu fico receosa de comprar livros usados pela internet, em geral. Fora que os que eu vi por lá usados, de titulos específicos que eu queria, não pareceram compensar pelo preço. Admito que também gosto de novos, a não ser que sejam livros muito antigos.

    Mas a parte da capa-dura foi essencial. É um diferencial enorme, de verdade, e você compra um de capa-dura dos EUA pelo preço de uma brochura aqui no Brasil, mesmo com o frete. E tudo é absurdo nas diferenças: o preço, a qualidade, o capricho. É muito superior.

    Mas os livros de paperback nem sempre vêm em boa qualidade assim. As edições economicas da Penguin vem numa capa MUITO molinha, que amassa só de triscar, e papel tipo jornal, às vezes a preço de um livro em melhor qualidade. Ainda assim, a diagramação é boa, vem com desenhos e tudo mais. Mas amassa demais, dá uma dor no coração. Então eu evito comprar paperback por esse trauma, embora eu tenha outros livros com um paperback muito bom. E eu não me incomodo com a falta de orelhas, eu sinceramente não vejo utilidade nelas, só me atrapalham, e no Brasil é uma imitação barata das jackets que vêm com os hardcovers de fora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amor, tenho uns 300 marcadores do BD XD
      Te dou um se quiser! E é de graça sim, sempre vem em todas as minhas compras i.i

      Excluir
  3. Aliás, acho válido frisar que eu falei dos livros _economicos_ da Penguin. De resto, é uma editora muito boa, e eles também fazem hardcovers, e tem uma coleção linda para clássicos: http://assets4.designsponge.com/wp-content/uploads/spines3-4.jpg

    ResponderExcluir
  4. Sou acostumada a comprar na book depository por causa do frete, quase todos os livros que quero comprar, se eu acho compro lá <3 é muito amor! Meus livros sempre demoram de 15 a 30 dias para chegar. Agora essa better world books eu nunca tinha ouvido falar e fiquei muito animada ao saber que eles também tem frete grátis! Muito obrigada pela dica, minha próxima compra será lá para ver se eu gosto do serviço :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando fizer a compra me conte :) Pra ver se chegou tudo direitinho também. O serviço deles e da BD é bem parecido, mas na BWB dá pra achar umas raridades baratinhas que na BD é difícil.
      E obrigada pelo comentário, viu? ♥ É muito bem vinda ♥

      Excluir
  5. Oi Lorena! Eu já conheço e uso sites internacionais para comprar (não apenas livros) mas mesmo assim gostei muito da sua postagem.

    Eu queria só ressaltar dois pontos:

    Você disse que o ferte na Amazon só compensa com muitos volumes e não é bem assim. Eles têm valor fixo de frete para livros: $5 por envio mais $5 por volume. Se você comprar um livro só, vai pagar $10 de frete. Se comprar 3 livros, vai pagar $20 e assim por diante. E não tem isso de volumes maiores pagarem menos, pelo contrário: quando o volume é grande eles cobram uma taxa extra (chamada de bulk rate) pelo excesso de peso ou de tamanho. Isso acontece se você comprar muitos livros ou comprar livros muito pesados. Resumindo, o frete deles é caro mesmo. Em compensação, os preços são um pouco menores do que em outros sites (dos livros novos, é claro) - então tem hora que compensa.

    E no Paypal tem como saber a cotação. Tem duas opções que aparecem na hora do pagamento: faturar em dólar e o seu cartão de crédito vai fazer a conversão no dia do fechamento da fatura; ou faturar em real e você vai saber o valor no momento da compra, mas a cotação do paypal costuma ser um pouco cara. Se você estiver ligada na economia e achar que o dólar vai baixar (ou pelo menos não vai subir) é melhor deixar eles faturarem na moeda estrangeira para o cartão fazer a conversão mais tarde.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Krishna. Eu acho o frete da Amazon caro, mesmo assim. O preço do livro mais o frete não compensa. Já fiz compras lá, sei como funciona e tudo, mas acho que compensa sim pra quem comprar grande variedade por preços "camaradas" mesmo com o bulk rate justamente porque, dividindo tudo, ainda sai mais barato que comprar aqui. Isso funciona muito para livros universitários, por exemplo.

      Eu sobre o paypal, eu quis dizer saber a cotação antes de comprar, entende? Porque na hora de comprar eu sei que dá pra ver, mas só nos "finalmentes"! Se souber de um jeito de ver antes de efetuar uma compra, aí sim é vantagem. E eu não acho a cotação do paypal muito absurda! Já vi coisas mais absurdas em cartões de crédito! Eu prefiro conversar por lá a converter pelo cartão!

      Enfim, de qualquer forma, obrigada pela visita e pelo comentário! (aqui e no skoob ♥)

      Excluir
  6. Fiz minha encomenda na Better World Books em Fevereiro e até agora nada. Estou decepcionada e já mandei vários e-mails para lá reclamando. No último pedi meu dinheiro de volta… Infelizmente. O que eu queria era o livro mesmo, mas como eles não estavam me respondendo, tive que tomar uma medida mais drástica para ver se chama a atenção.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, pessoa :D Obrigada pelo comentário!
      Sobre seu caso, eu acho o seguinte: os correios tem estado cada vez mais saturados com encomendas. Não é necessariamente "culpa" do BD. Na verdade, eles sempre devolvem o dinheiro se passa mais de 90 dias ÚTEIS. Sempre! Já fiz isso várias vezes e hoje em dia o livro costuma chegar entre 4 a 6 meses. Sério. Se você fez a compra em fevereiro, ainda tá MUITO em tempo do seu livro chegar! Não se desespere e tenho certeza de que eles vão responder cedo ou tarde. Eles são sérios, acredite ;)
      Espero ter ajudado! Quando você menos esperar, seu livro vai chegar!

      Excluir
  7. Mencionei este link aqui: http://bookclubmyp3.blogspot.com.br/2014/10/how-to-buy-books-overseas.html

    ResponderExcluir
  8. Como faço para comprar direto daqui?

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...