Os Desafios da Escrita - O Processo Parte II

12:00 PM Lorena Miyuki 1 Comentários

Todos os bons escritores, mais dia ou menos dias, descobrem que o processo de escrita é algo mais do que uma atividade espontânea e misteriosa.

Escrever tem tudo a ver com esboçar, apagar, ler e reler. Não é a mera noção de colocar no papel aquilo que tá na sua cabeça.

E existem alguns passos que são necessários para criar um parágrafo, um artigo, um livro, uma carta, um roteiro, etc. Para a maioria dos projetos de escrita, nós vamos sempre utilizar cinco passos distintos e em ordem.

No post anterior, falei sobre o Inventar.

2) Organizar


Agora vamos ao segundo passo, o Organizar.

O segundo passo do processo de escrita consiste em organizar as ideias em uma estrutura que se encaixe no projeto que está desenvolvendo. Existem diversas maneiras de se fazer isso e você terá de encontrar o método que mais lhe parece confortável. Entretanto, a maioria dos escritores e estudantes afirmam que começar com uma espécie de "esboço" é um início necessário.

Existem diversos tipos de esboços e eles podem ser sub-organizados por letras e números, listas, categorias específicas do projeto (ex.: planetas, nomes, receitas, locais, etc.). De qualquer maneira, o seu esboço deverá lhe prover um mapa geral do que você deseja com a sua escrita, o que você espera que ela se pareça.

Por exemplo, para escrever um artigo (científico ou não), recomenda-se que seu esboço siga os seguintes passos:
Tópico geral -> sentença inicial -> detalhes de suporte à sentença inicial -> pontos de suporte -> exemplos específicos -> explicação dos exemplos -> mais exemplos explanando sua escolha -> sentença de conclusão.
Alguns escritores escolhem colocar mais ou menos detalhes dentro de um esboço organizacional, mas só para que facilite a própria organização das ideias. O esboço propriamente dito acontece somente no terceiro passo. Aqui, você tem que considerar algum tipo de "padrão" para se encontrar no meio das suas ideias e detalhes que você reuniu para o seu projeto.

Algumas partes desse padrão podem ser:

Compare/Contraste: explore as similaridades e diferenças entre uma ou mais ideias, eventos, detalhes.
Um exemplo de diagrama que pode ser usado na hora de comparar e contrastar ideias:
Tópico principal, subtópico 1 e 2
Em Comum
Diferenças
Essa parte em especial também é chamada de "Diagrama de Venn". A gente já estudou isso em matemática, sim, e ele pode ser muito bem aplicado aqui quem diria!
Pra quem não se lembra, o diagrama é usado para representar conjuntos e distinguir o pertence do não-pertence. Na escrita, nós podemos dividir a ideia geral em dois tópicos e separá-los, colocando no centro o que é comum aos dois. Aqui vai um exemplo (em inglês):


Causa e efeito: analise as causas que levam a um determinado evento, ou os efeitos que procedem uma situação em particular. Você muito provavelmente precisará desses detalhes mais para frente na sua escrita.
Esse também é um tópico que veio da matemática e da física e que nos ajuda na hora de organizar os detalhes!

Dividir e classificar: divida os tópicos do seu esboço em tipos e partes, classifique-os da melhor maneira possível de acordo com o seu projeto.

Esse aqui pegamos emprestado primeiramente da biologia, onde dividir e classificar é basicamente a regra haha Lembra do REFICOFAGE?


Aqui vai um exemplo de dividir e classificar na escrita (em inglês):



Análise do processo: detalhe o passo para se completar uma tarefa (ex.: preparar uma refeição, consertar algo, viajar, etc.)

Ilustrações: descreva visualmente um tópico do seu projeto. Podem ser usadas imagens, fotografias, pinturas, desenhos, qualquer coisa que te remeta ao tema e/ou até te inspire!

Esses "padrões" do processo o ajudarão a coletar (se for preciso) e organizar detalhes para sustentar sua linha de raciocínio. Durante os dois próximos passos (esboço e revisão), você continuará desenvolvendo suas ideias. Até o próximo post!

Fonte: curso de escrita e gramática inglesa da Mt San Jacinto College.
Imagens: divulgação sem fins comerciais.

Um comentário:

  1. Eu queria muito ter a capacidade de me organizar dessa forma quando escrevo meus posts ou meus roteiros, mas nunca tive paciência para essas divisões. A única coisa que eu utilizo é o celtx, programa que me permiti dividir em abas as características dos personagens, ambientes, storyboard e esboço da história pra que eu não me perca totalmente no que tô escrevendo. Ainda bem que existe a tecnologia pra fazer esse serviço para mim. HAHAHAHAHA!

    Trinta.
    Autor do site Escolhendo Livros.
    www.escolhendolivros.com,br

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...