Top Ten Tuesday: 10 melhores livros que eu li até agora em 2014

4:35 PM Lorena Miyuki 1 Comentários

Eu tinha colocado como meta no começo do ano pelo menos 30 livros, já que eu estaria mais disposta a ler nesse primeiro semestre. Pois bem, metade do ano praticamente já foi e eu já li vinte e seis dos trinta que havia separado, mas incluí alguns outros, tirei um ou dois e hoje minha lista está com 34 para dezembro! Acho que vou passar desse número, mas não quero criar muitas expectativas. Eu consegui ler mais até agora porque estou usando o kindle pra agilizar a leitura - afinal, posso ler de madrugada sem ter que incomodar ninguém em casa com luz acesa. Falei sobre isso aqui, no post de e-books VS. livros. O fato é que: do meu planejamento inicial, devo ter lido só uns cinco! Do post que fiz em janeiro, li só 3! Vou tentar compensar isso, eu juro! Mas estou aqui não pra falar dos meus fracassos, e sim pra recomendar os 10 melhores livros que li até agora:




1. Anna e o Beijo Francês. Desculpa, gente, eu reli esse livro essa semana e ele tem que estar em primeiro na lista (apesar de a ordem não indicar o quanto o livro vale, ok?). Já dei chiliques por ele aqui, na tag de nome que fiz, no goodreads, no twitter, no facebook..  Meu instagram é recheado de citações e marcações desse livro. Acho que não preciso dizer muito, só isso: VAI LER SE VOCÊ AINDA NÃO LEU!



2. The Order of the Poison Oak. Fiz resenha tem pouco tempo. Uma gracinha de livro, Russel Middlebrook series, Brent Hartinger demonstrando todos os seus conhecimentos sobre como fazer uma pessoa derreter com palavras. Eu terminei a serie, mas esse volume é meu xodó pois além de ter meu personagem favorito de todos (Otto!), o clima é muito mágico e fofo e... Enfim.

3. Simplesmente Ana. Obra nacional que comprei por impulso e acabei apaixonada?? Eu ia escrever uma resenha bem porquinha, mas como não estava no clima resolvi deixar pra lá. Acontece que, em poucas palavras, a escrita da minha conterrânea Marina é maravilhosa, apesar da história clichê e tal. Pensei que ia ser mais um "Meg Cabot da vida", mas descobri que não. E vai ter continuação saindo em breve, então quem quiser conferir a história da princesa mineirinha da Marina, eu recomendo fortemente!


4 e 5. Fangirl e Eleanor & Park. Deveria ter colocado Fangirl logo atrás de Anna, mas fica aqui registrado. Rainbow Rowell (d)escreveu a história da minha vida nesse livro, sério. Quase que 100% das coisas, tirando o fato de que eu não tenho irmã gêmea (ou qualquer irmã na verdade). Mas, meu deus, a maior revelação do ano pra mim. Li Fangirl primeiro e depois li E&P e chorei de vontade de cortar os pulsos e de tanto derreter com cada palavra. Li as versões originais, mas quando Fangirl for traduzido (promessa pra esse ano ainda) comprarei as duas em português pra ver como tá. Leiam. Simplesmente leiam Rainbow Rowell (leiam Attachments também).

6. Divergente. Clichê, talvez, mas não pode deixar de entrar na lista. Foi meu primeiro livro de 2014 (aahn,  mentira, segundo) e eu surtei muito com essa saga como não surtava desde... sei lá, não me lembro de ter surtado por nada ultimamente (a não ser Anna). Nem com Jogos Vorazes eu fiquei tão envolvida e peloamordedeus, não estou fazendo comparações, ok? Gosto do universo da Veronica, discuti muitas coisas que ela escreveu, foi muito divertido compartilhar essas discussões com pessoas próximas que também estavam lendo, então minha experiência com Divergente foi muito boa. E não, não gostei do filme.

7. Persuasão. Titia Jane dando as caras. Li esse livro bem rapidinho, ao contrário do que normalmente acontece quando leio Jane Austen (fiquei quase 1 mês pra ler Razão e Sensibilidade, intercalando com outras 3 leituras porque as irmãzinhas me irritavam profundamente). A história é a que mais me agrada até então, depois de Orgulho (por motivos de Darcy), e a escrita é a mais madura, já que foi seu último romance escrito. Muito diferente de Orgulho, eu me apaixonei sinceramente desde a primeira página. Meu favorito da tia!

8. Cidade das Cinzas. Olha eu pagando língua. Tomei uma birrinha da Cassandra ano passado pela raiva que passei com Cidade dos Ossos, mas eu não posso simplesmente deixar essa serie passar batida. Eu não gosto da escrita dela, mas parece que ela virou outra pessoa nesse segundo livro?! Enfim. Gostei, não nego. Mas talvez só leia o terceiro lá pro fim do ano, ou em 2015.

9. O Livro das Princesas. Nacional, bobinho, cheio de contos de autores água-com-açúcar que me levou só umas 4 horas pra ler, mas que fez bem o seu papel. Cumpriu o prometido. Se gosta de contos de fadas e histórias de princesas, acho que é uma boa pedida.

10. Adorkable (ou Os Adoráveis em português, título horrível por sinal). Li pela curiosidade do título e me surpreendi positivamente. Um romance geekzinho, com um monte de menções à cultura pop e com personagens reais, não fantasiados de adolescentes colegiais. Li rapidinho, achei uma gracinha e recomendo.


BÔNUS: o que estou lendo agora? Comecei Sangue de Tinta hoje, mas é um livro que me demanda tempo para ler e reler e pesquisar as referências (sou dessas), assim como foi Coração de Tinta (o primeiro da trilogia). Estou no meio de Kamikaze Boys, mais um dos que não estavam na lista e que descobri no goodreads e que estou gostando bastante por sinal. Pretendo começar o terceiro de Academia de Vampiros, que também não estava planejado, mas, né, já que estava ali dando bobeira...

BÔNUS DOIS: o pior livro do ano até agora? Enders. Sem sombra de dúvida. Que decepção o fechamento da duologia que tinha TUDO pra ser a minha preferida do gênero! Eu amei Starters, mas Enders me decepcionou totalmente.

Qual a sua lista até então?

Um comentário:

  1. Destes livro eu só li Anna e o beijo Francês (maravilhoso!),Simplesmente Ana (não gostei muito), Divergente (amei), Cidade das Cinzas (gostei tb).
    Enfim, ótimo post!
    Beijos.
    Visite - Tão Bom Quanto Pizza

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...